À Quoi Ça Sert L’Amour?

Para o Island, da Mel…

A quoi ça sert l’amour ? Pra que serve o amor?
On raconte toujours A gente conta todos os dias
Des histoires insensées. Incessantemente histórias
A quoi ça sert d’aimer ? Sobre a que serve amar?

L’amour ne s’explique pas ! O amor não se explica!
C’est une chose comme ça, É uma coisa assim,
Qui vient on ne sait d’où Que vem não se sabe de onde
Et vous prend tout à coup. E te pega de uma vez.

Moi, j’ai entendu dire Eu, eu escutei dizer
Que l’amour fait souffrir, Que o amor faz sofrer
Que l’amour fait pleurer. Que o amor faz chorar
A quoi ça sert d’aimer ? Pra que se serve amar?

L’amour ça sert à quoi ? O amor, serve pra que?
A nous donner d’ la joie Para nos dar alegria
Avec des larmes aux yeux… com lágrimas nos olhos
C’est triste et merveilleux ! É uma triste maravilha!

Pourtant on dit souvent No entanto, dizem sempre
Que l’amour est décevant, Que o amor decepciona
Qu’il y en a un sur deux Que há um dos dois
Qui n’est jamais heureux… Que nunca está contente…

Même quand on l’a perdu, Mesmo quando o perdemos
L’amour qu’on a connu O amor que conhecemos
Vous laisse un goùt de miel. Nos deixa um gosto de mel
L’amour c’est éternel ! O amor é eterno!

Tout ça, c’est très joli, Tudo isso é muito lindo
Mais quand tout est fini, Mas quando acaba,
Il ne vous reste rien Não lhe resta nada
Qu’un immense chagrin… Além de uma enorme dor…

Tout ce qui maintenant Tudo agora
Te semble déchirant, Que lhe parece “rasgável”
Demain, sera pour toi Amanhã, será para você
Un souvenir de joie ! Uma lembrança de alegria!

En somme, si j’ai compris, Em resumo, eu entendi,
Sans amour dans la vie, Que sem amor na vida,
Sans ses joies, ses chagrins, Sem essas alegrias, essas dores,
On a vécu pour rien ! Nós vivemos para nada!

Mais oui ! Regarde-moi ! Mas sim, me escute
A chaque fois j’y crois Cada vez mais eu acredito
Et j’y croirai toujours… E eu acreditarei pra sempre…
Ça sert à ça, l’amour ! Que é pra isso que serve o amor!

Mais toi, t’es le dernier, Mas você, você é o último,
Mais toi, t’es le premier ! Mas você, você é o primeiro!
Avant toi, ‘y avait rien, Antes de você não havia nada,
Avec toi je suis bien ! Com você eu estou bem!
C’est toi que je voulais, Era você quem eu queria,
C’est toi qu’il me fallait ! Era de você que eu precisava!
Toi qui j’aimerai toujours… Eu te amarei pra sempre…
Ça sert à ça, l’amour !… E a isso que serve o amor!…

____________________________/

*E, para encerrar esta carta de amor, nada mais justo que o vídeo, que considero um dos 5 melhores que já encontrei no Youtube, que sintetiza pra que serve o amor!

Anúncios

Sobre Lafayette

Xipaia... o último dos guerreiros!
Esse post foi publicado em Música, Mistérios que me afligem a alma!, Na Geral. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s